Gerente de projetos

From TradWiki 2.0
Jump to navigation Jump to search

Quando o tradutor autônomo se vê diante de uma proposta de serviço além de sua capacidade de produção, pode recusar o serviço, indicando ou não outros profissionais, ou procurar parceiros com quem dividir o volume de trabalho. A partir desse momento, acrescenta à sua tarefa de tradutor o trabalho de Gerente de projetos, ou Project Manager (PM).

Ser ou atuar como PM requer uma série de outras habilidades não tradutórias, mas administrativas. É preciso ter claro o que é o projeto de tradução, saber negociar valores (com o cliente e com o parceiro), acompanhar o andamento do projeto para cumprir o prazo, manter a uniformidade de terminologia e estilo em todo o material, além de se responsabilizar pela cobrança e pelo pagamento do(s) parceiro(s). A menos que tenha sido explicitamente combinado que todos os envolvidos só receberão quando o cliente pagar, o tradutor que terceiriza serviços ou subcontrata colegas é eticamente responsável por fazer o pagamento no prazo estipulado, independente de ter ou não recebido do cliente. Por isso, para se colocar na posição de PM, ainda que informalmente, é importante ter um bom controle do fluxo de caixa.

Todos esses aspectos, além de diversos outros, fazem parte do projeto de tradução, que pode incluir desde a tradução de um único arquivo de poucas palavras, a projetos de milhares de arquivos com milhões de palavras e diversos outros requisitos muito além da tradução.